top of page

Passo a passo para montar sua proposta de honorários

Precificar um serviço não é uma tarefa simples e fácil. Apesar de termos a tabela da OAB como direcionamento, ela não precisa ser seguida à risca, porém, infelizmente, devido à competitividade do mercado, é comum que alguns advogados não cobrem um honorário justo, o que desvaloriza toda a classe.


Para não precisar ceder a práticas como essa, é necessário criar uma proposta de honorário que se destaque em relação às demais. O cliente deve te escolher não apenas com o critério de você cobrar menos que outros profissionais; o ideal é, na verdade, que mesmo não sendo o advogado mais barato, você ainda seja escolhido para prestar determinado serviço.


Assim, a criação de uma proposta de honorário deve ser baseada em alguns critérios. Confira a seguir:


SUMÁRIO



01 - QUAL TIPO DE PROPOSTA REPRESENTA SEU ESCRITÓRIO?


Algumas vezes, dependendo do cliente e de sua demanda, retornar a hábitos que não ultrapassem o digital pode ser uma boa estratégia. Ou seja, é válido que você convide o contratante até seu escritório para que a proposta seja discutida e exposta verbalmente.


Porém, como nem sempre o cliente tem a resposta de imediato, documentá-la de forma escrita para análise, na maioria das vezes, é mais viável. Além disso, ter mais tempo para elaborá-la facilita com que erros não sejam cometidos na precificação do serviço.


Essa proposta escrita pode ser aprimorada com recursos tecnológicos, por exemplo, o uso de arquivos com QR Code ou botões clicáveis para que seu cliente possa ter acesso a detalhes sobre sua advocacia, os colaborados e até mesmo um perfil mais pessoal. Uma proposta de honorários mais interativa pode já iniciar uma aproximação entre você e seu potencial cliente.


02 - VOCÊ APRESENTA O OBJETIVO, NÃO O PASSO A PASSO


A proposta precisa ser muito bem construída, mas não pode ser mais surpreendente do que o trabalho que será prestado. Afinal, para a efetiva resolução da demanda, o cliente espera, no mínimo, o mesmo empenho que lhe foi oferecido antes da efetivação do contrato.


O objetivo do serviço também deve estar claro na proposta de honorário, porém, deve ser evitado roteirizar como ele será alcançado. Principalmente quando se trabalha no extrajudicial, isso pode deixar sua estratégia de resolução explícita, permitindo que ela chegue detalhadamente a outras pessoas. Essas informações devem vir apenas no contrato, não na proposta.


03 - MOMENTO PARA DIZER O QUE NÃO FOI DITO


Durante a consulta, a apresentação da necessidade do cliente, o objetivo é escutá-lo. Ou seja, pouco se promove durante a consulta. Assim, caso haja algo que sobre você que possa te credibilização, essa autopromoção pode, sim, ser feita na proposta de honorários, desde que com limites, claro.


Uma apresentação do escritório também é bastante válido, pois assim o contratante pode perceber se se identifica ou não com o modelo de trabalho utilizado.


04 - VALIDADE DA OFERTA


A proposta não pode ser feita sem um prazo para que a oferta expire. Não necessariamente isso significará que o valor aumentará após tal prazo, pois o maior intuito dessa estratégia é conseguir organizar o fluxo de clientes.


Isso também pode ajudar com que o vínculo entre você e quem te procurou não seja desestabelecido. Afinal, caso você mande sua proposta de honorário hoje e o cliente dê um retorno sobre ela daqui a 60 dias, muito dificilmente você se lembrará com detalhes sobre a demanda dele.


05 - COMO ENTRAR EM CONTATO COM VOCÊ


Depois que o seu possível cliente ler a proposta, caso ele não queira fechar, é provável que ele mesmo não te procure para recusar o serviço. Mas há, sim, algumas pessoas que o fazem.


No entanto, caso o cliente queira confirmar e iniciar a elaboração de contrato, a tendência é entrar em contato com você. Por isso, os canais de atendimento devem estar muito explícitos.


Portanto, facilite a forma de o seu cliente responder a proposta. Isso pode ser feito por meio de um link que o direcione para o seu e-mail ou whatsapp, por exemplo.


Elaborar uma proposta de honorários pode ser uma tarefa complexa, mas com essas dicas, um material melhor poderá ser criado. Deixe nos comentários qual dessas estratégias você já tem o hábito de usar e qual pretende adotar.


Aulas Gratuitas para otimizar sua advocacia


Construir uma carreira na advocacia e gerir um escritório demanda de tempo, dedicação, organização e visão estratégica. Se você deseja se aprofundar neste tema, adquirir mais conhecimento e saber mais sobre Gestão de Escritório e Carreira na Advocacia, eu tenho um convite especial para você!


Toda quinta-feira, às 17h, no YouTube, eu ministro aulas gratuitas com o objetivo de potencializar seus resultados na advocacia. As aulas ficam disponíveis por pouco tempo, então, se inscreva no meu canal para não perder nenhum conteúdo:



588 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page